Maria Aparecida Giacomini Dóro
Silencio meu coração para melhor ouvir-te...
Textos
Aqui - isolada entre as paredes da solidão - contemplo-te, minha estação primeira. Bem sabes que sou como tu: harmonia e melancolia em equilíbrio.

Tuas folhas se despedem dos galhos e reverenciam a terra que as nutriu. Ansiando por Unidade, desapegam-se das vestes esperança para se revestirem do ocre e tombarem em solo acolhedor.

Eu também me despeço do passado e reverencio os sonhos desfeitos, os amores não vividos, os poemas não escritos, as histórias assumidas em outros tempos de outras peles e corações distintos... Compensações!

Como tuas folhas, ansiando por Unidade, em ti adormeço...
Maria Aparecida Giacomini Dóro
Enviado por Maria Aparecida Giacomini Dóro em 21/03/2020
Alterado em 22/03/2020
Copyright © 2020. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Site do Escritor criado por Recanto das Letras