Maria Aparecida Giacomini Dóro
Silencio meu coração para melhor ouvir-te...
CapaCapa
Meu DiárioMeu Diário
TextosTextos
ÁudiosÁudios
E-booksE-books
FotosFotos
PerfilPerfil
Livros à VendaLivros à Venda
PrêmiosPrêmios
Livro de VisitasLivro de Visitas
ContatoContato
LinksLinks
Textos


             VOCÊ  

              (Estrada Humana – Otávio Costa)
                              21 maio 2009  
  

              Vejo-te na brisa do outono
              E corro para passar a limpo
              Tua poesia
              Que percorro com os dedos
              No contorno do meu lápis
              Em tua letra que enfeita
              Meu caderno de sonhos
              Em tudo decifro teu esconderijo
              Neste dia feliz não quero a pressa
              Quero ficar perto de ti
              Espalhar presentes
              Dar-te meus valores preciosos
              O gostar da chuva e de Deus
              Para que os guarde contigo
              E os enriqueça de detalhes novos
              Contornados de felicidade e elegância
              Como os prazeres da alma
              Viagens feitas no imaginário
              Viva feliz e para sempre m e n i n a
              Nas intensas alegrias com teus encontros
              No doce lado bom do teu viver
              Num coração vivo, envolvido e cheio
              De sensibilidade e amor pelo ser humano
              Com momentos divididos em cinco partes
              Lágrimas, noites, dias, luzes e sons.

             Arremate:
             Parabéns pra VOCÊ, parabéns por VOCÊ.          
 

Assumir plenamente a identidade única que me foi dada por DEUS, não aceitando passar pela vida como mera expectadora ou crítica do que os outros fazem, por conta da dor/do amor que sentem/vivenciam, eis o meu desafio diário...
OTÁVIO, teu sentir - em versos, codificado - revela-me os matizes do SER que vislumbro ser frente aos campos dourados da minha existência... OBRIGADA de CORAÇÃO!  

  
                                                                                Sonhar...
                   Somar outonos, vencer o tempo, aprender
          Ah! O que conta é VIVER sem precisar envelhecer...
Maria Aparecida Giacomini Dóro
Enviado por Maria Aparecida Giacomini Dóro em 30/05/2009
Alterado em 03/04/2011
Copyright © 2009. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Site do Escritor criado por Recanto das Letras